Carrinho

Ver iten(s)

Importância dos braços na corrida

Quase 5% dos corredores que não conseguem terminar uma corrida não conseguiram por conta de dores no ombro.

28/10/2020

Que as pernas são a parte do corpo mais importante pra quem pratica corrida todo mundo sabe, mas isso não significa que as outras partes do corpo possam ser ignoradas.

Quase 5% dos corredores que não conseguem completar uma prova desistem da mesma por conta de dores nos ombros. Por isso a importância de fortalecer os músculos do manguito rotador, responsável pelos movimentos do ombro.

Além disso, segundo Pamela Geisel, fisiologista do exercício em Nova York (EUA) em entrevista para a Runner’s World, o padrão de excelência para corredores é de 165 a 180 passadas por minuto, ou seja, caso você não tenha uma boa postura e der todos esses passos de forma incorreta, a probabilidade de você se lesionar é enorme. E onde o fortalecimento dos braços entra nisso?

Braços fortalecidos aumentam o equilíbrio do corredor e ajuda a melhorar a estrutura dos pés, o que diminui as chances de lesão.

Fortalecendo o corpo como um todo, você também gasta menos energia na corrida, o que diminui a sua fadiga muscular e te faz aguentar mais tempo correndo.

Como fortalecer os braços?

1.     Barra

2.     Gesto de corrida

3.     Tríceps no banco

4.     Flexão de braço

Mas lembre-se

Como fortalecer os braços?

Vamos conversar sobre quatro formas de fortalecer os braços em casa.

  1. Barra

Já conhecida, se resume em puxar o peso do próprio corpo para cima até que seu queixo ultrapasse a barra fixada na horizontal em algum ponto mais alto que seu corpo.

Faça três séries de seis a oito repetições.

  1. Gesto de corrida

Fácil de fazer, esse exercício pode te ajudar a fortalecer o braço mas não é o suficiente para fazer o trabalho completo, então alterne esse exercício com outros.

Em pé, com as pernas afastadas em sentido antero-posterior (ou seja, um pé na frente e outro atrás) flexione seus cotovelos em 90º e comece a fazer movimentos de corrida. A sua mão deve chegar na altura do seu queixo quando for pra frente e, quando o braço for pra trás, você deve deixar que o membro vá o máximo que conseguir para trás sem forçar.

É interessante fazer o exercício com alguma coisa que tenha entre 500g e 1kg. Faça quatro séries de 20 repetições.

  1. Tríceps no banco

Sente em um banco e apoie a palma das suas mãos ao seu lado, em uma largura um pouco maior que de seus ombros. Depois disso, estique suas pernas e apoie os calcanhares no chão, mova seu corpo para frente até tirar os glúteos do banco e comece o exercício:

Abaixe seu corpo até que seus cotovelos façam 90º e volte para a posição inicial, mantendo seu cotovelo sempre levemente flexionado.

Realize três séries de 12 repetições.

  1. Flexão de braço

Também é um exercício conhecido e provavelmente você conhece, mas, para quem não conhece, vou explicar.

Deite de barriga para baixo e apoie a ponta dos seus pés (ou seus joelhos caso não tiver muita força nos braços) e estique seus braços para frente com a palma das mãos apoiadas inteiramente no chão, na largura dos ombros.

Depois disso, flexione os braços para fora até que seu peitoral esteja próximo ao chão e empurre seu corpo para longe de novo até que seu cotovelo esteja levemente flexionado ainda e repita o movimento.

Repita em três séries de dez repetições.

Mas lembre-se

Todos esses exercícios podem ser feitos em casa, porém é muito importante que você tenha algum acompanhamento profissional para evitar alguma lesão ou algum problema a longo prazo!

Conhece dicas de outros exercícios para fortalecimento de braços simples de fazer e com um bom resultado?


Compartilhe nas redes sociais: